Orquidea Cattleya

 

Orquidea Cattleya é a espécie de orquídea mais vendida e cultivada do Brasil. É uma orquídea que possui cerca de 50 espécies que podem ser encontradas desde o México até a Argentina. Possui espécies de raça pura como também híbridos.

Essa espécie já se perpetuou pelo mundo inteiro, aparecendo e conseguindo se adaptar em todos os climas, exceto áreas desérticas e gélidas. A Cattleya é epífita, tem crescimento simpodial, crescendo horizontalmente. A espécie pode ser dividida entre dois grupos: unifoliadas e bifoliadas.

As unifoliadas são de porte menor, com pseudobulbos ovais e lateralmente achatados, e produz grandes folhas e flores, mas em menor quantidade. Já as bifoliadas são de porte maior, com pseudobulbos cilíndricos que ultrapassam 1 metro de comprimento. Suas flores são menores e mais estreitas, e suas folhas são pequenas e largas.

É uma planta de fácil cultivo, e está entre as mais escolhidas pelos cultivadores principiantes, por ser muito versátil quanto ao plantio. A orquidea Cattleya, apesar de fácil, merece muita atenção na hora de seus cuidados, e é importante sempre se dedicar quando se trata de orquídeas. Nós disponibilizamos um curso GRATUITO com um passo a passo ensinando tudo sobre orquideas. Para se inscrever é só deixar seus dados no box ao lado.

Espécies de orquidea Cattleya

As espécies de orquidea Cattleya são bem distintas umas das outras. Algumas são bem famosas pela venda e outras são menos conhecidas.

A espécie de Cattleya mais conhecida mundialmente é a Cattleya Walkeriana. É uma espécie originária do Brasil, encontrada em todos os estados, de fácil cultivo e normalmente nasce sobre pedras ou árvores. Tem flores grandes e duradouras, com uma extensa variedade de cores, e com aroma de canela. Tem porte pequeno e por isso se adapta melhor como orquidea de interior. É considerada a orquídea mais perfeita por conta de sua simetria de formas e cores.

Outra espécie muito famosa e originária do Brasil é a Cattleya Labiata, conhecida popularmente como “Rainha do Nordeste”. Ela é endêmica nos estados do Ceará, Pernambuco e Paraíba. As flores são grandes, coloridas e perfumadas. Gosta de ambientes bastante úmidos e protegidos do sol. Foi a primeira orquídea Cattleya catalogada no Brasil, e hoje em dia é uma das espécies que mais participa de cruzamentos de hibridização por causa de sua ótima armação e perfume.

Já a Cattleya Intermédia é mais encontrada no litoral meridional brasileiro. Ela produz pseudobulbos roliços, de 25 a 45 centímetros de altura e sua inflorescência é de 3 a 5 flores de 10 centímetros de diâmetro, nas cores rosa ou branca. Exige um ambiente bastante úmido, com muito sol, ventilação e calor, porém essa espécie precisa de um período de 2 a 3 semanas de temperaturas mais frias para poder realizar a floração.

Como cuidar de orquidea cattleya

Como cuidar de orquidea cattleya ? Como vimos anteriormente, existem várias espécies de cattleyas e isso dificulta um pouco para generalizar os cuidados com essa orquídea, já que cada uma possui seu próprio habitat natural.

É importante saber que a melhor forma de fazer com que a orquídea se desenvolva bem, é tentando reproduzir todas as condições naturais do seu habitat. As Cattleyas possuem raízes que podem desidratar facilmente, e quando o ambiente em que ela está não propicia a quantidade necessária de umidade para a orquídea, é preciso regá-la abundantemente e com frequência.

Essa orquídea não gosta de ter seu rizoma enterrado, então deve-se cobrir com substrato apenas as suas raízes, onde a adubação deve ser feita diretamente. Durante o período de crescimento é necessário adubá-la com adubo químico, mas também se faz necessário adubação foliar semanalmente.

A orquidea cattleya é belíssima, e é por isso que é uma das mais escolhidas para o cultivo. Mas o cultivador precisa ter em mente que o que faz a orquídea estar linda e viçosa são os cuidados que ela exige. Por isso, criamos um cursinho GRATUITO com todas as dicas sobre os cuidados com orquídeas, onde você receberá um passo a passo diretamente no seu e-mail. Para se inscrever é só deixar seus dados no link abaixo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como cultivar orquideas

 

Como cultivar orquideas corretamente é uma pergunta que muitas pessoas fazem antes de comprar uma orquídea ou quando estão começando o cultivo. As orquídeas são plantas com uma certa fama de frágil e de difícil cultivo, devido as milhares de espécies e características diferentes que o grupo Orchidaceae possui.

Cada espécie precisa de cuidados especiais, e algumas precisam de cuidados mais específicos. A primeira diferença que distingue as orquídeas em três grupos é em relação à forma como nascem e se desenvolvem na natureza, dividindo-as em rupícolas, epífitas e terrestres, ou seja, nascendo em rochas, árvores e no solo, respectivamente.

Os cuidados com as orquideas variam de acordo com o habitat natural em que cada espécie nasce e se desenvolve. Como por exemplo, clima, temperatura e forma de plantio. Neste artigo explicaremos os principais fatores que influenciam no cultivo de orquídeas, e como cultivá-las da forma correta para que se desenvolvam saudavelmente.

Sabemos que as orquídeas são a verdadeira paixão dos orquidófilos e cultivadores, e que por isso, elas precisam estar sempre lindas e viçosas. Pensando nisso, criamos um cursinho GRATUITO que ensina como cuidar de orquídeas, com dicas valiosas, tirando todas as suas dúvidas sobre cultivo e plantio de orquídeas. Para se inscrever é só deixar os seus dados no box ao lado.

Como cultivar orquideas : orquideas de exterior

Como cultivar orquideas de exterior? As orquídeas de exterior são aquelas que são plantadas ou que ficam em jardins, pátios ou orquidários abertos. Os tipos de orquídeas que são, em sua maioria, de exterior são as terrestres e as epífitas.

As terrestres, como já falamos antes, são aquelas que nascem diretamente no solo, exemplo da orquídea bambu e a orquídea sapatinho. Essas orquídeas normalmente recebem muita luz solar durante o dia, o que pode ser prejudicial para a saúde da planta. O ideal é que essas orquídeas estejam plantadas perto de outras árvores maiores que forneçam sombra para elas, ou que estejam em lugar com bastante circulação de ar. Além disso, as orquideas terrestres precisam estar plantadas em terra rica em matéria orgânica para que elas recebam os nutrientes necessários.

Se estiverem com um bom substrato na terra, a adubação se torna menos necessária. Já a rega é um pouco diferente. Se a orquídea estiver em lugar que receba muita luminosidade e o clima for muito quente, regue todos os dias. E se o clima for mais ameno, pode diminuir a frequência das regas.

Com as orquídeas epífitas os cuidados são parecidos. Essas orquídeas são menos resistentes à luz solar do que as terrestres, então é muito importante que elas estejam recebendo sombra durante a maior parte do dia. No início do cultivo, elas precisarão de um substrato orgânico rico, e uma adubação regular.

Em relação às regas, também é um pouco diferente. Como essas orquídeas têm as raízes expostas, elas desidratam mais rápido do que o resto das orquídeas, e por isso, precisam de regas frequentes e abundantes.

Como cuidar de orquideas : orquideas de interior

Agora, como cuidar de orquideas de interior? Diferentemente do tópico acima, as orquídeas de interior são aquelas que cultivamos dentro de casa ou espaços fechados, e são restritas basicamente às orquídeas plantadas em vasos.

As orquídeas de interior não são uma espécie específica, ou seja, orquídeas epífitas, rupícolas e até algumas espécies de terrestres podem ser plantadas em vasos e mantidas dentro de casa, mas, os cuidados devem ser mais reforçados por não estarem em seu habitat natural.

Luminosidade, umidade, temperatura e circulação de ar são os fatores essenciais no cultivo das orquideas. Muitas vezes dentro de um ambiente fechado as orquídeas não conseguem receber tudo o que precisam naturalmente, e por isso é preciso ter mais atenção.

A luminosidade que uma orquídea deve receber varia de espécie para espécie, mas é importante saber que nunca deve ser excessiva ou escassa, o ideal é que recebam luz indireta durante a manhã e sombra durante o resto do dia. Como muitas vezes a umidade presente no ar não é o suficiente para o que as orquídeas precisam, é necessário recompensar com regas abundantes e frequentes.

Todos esses fatores importam para todos os tipos de orquideas, independente da espécie, e é muito importante que o cultivador tente reproduzir as condições necessárias do habitat natural de cada orquídea, pois assim a planta conseguirá se adaptar e se desenvolver com saúde. Lembre-se que temos o objetivo de lhe ajudar ao máximo com o cultivo dessas lindas flores, por isso criamos um cursinho GRATUITO que ensina todos os passos sobre como plantar e cuidar de orquídeas. Para se inscrever é só deixar seus dados no link abaixo. Obrigada pela visita!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como cuidar de orquideas em vaso

julho 21, 2017

Como cuidar de orquideas em vaso   Como cuidar de orquideas em vaso ? As orquídeas são plantas versáteis que possuem diversas formas de plantio, sendo a mais comum delas, ser plantada em vaso. Normalmente não existe uma restrição de espécie que deva ou que não possa ser plantada em vasos, pois a maioria das orquídeas […]

Read the full article →

Orquidea Phalaenopsis

julho 20, 2017

Orquidea Phalaenopsis   Orquidea phalaenopsis , você já ouviu falar? Pode não ter escutado por esse nome, mas com certeza já viu alguma vez essa famosa e linda orquídea popularmente chamada de orquídea-borboleta ou orquídea mariposa. Essa espécie de orquídea é originária do sudeste asiático, aparecendo principalmente nas Filipinas. Seu gênero possui cerca de 65 […]

Read the full article →

Orquideas de exterior

julho 19, 2017

Orquideas de exterior   Orquideas de exterior são aquelas que cultivamos em ambientes abertos, como jardins, pátios e grandes orquidários. Elas normalmente são de porte grande e, por isso, precisam estar em ambientes com bastante espaço para se desenvolver. Orquideas de exterior não são especificamente uma espécie, e sim uma classificação que várias espécies podem […]

Read the full article →

Orquídeas: cuidados

fevereiro 23, 2013

Orquídeas: cuidados e dicas   Orquídeas cuidados: como toda planta exótica, as orquídeas necessitam de cuidados essenciais pra que estejam sempre saudáveis e bonitas. Os cuidados básicos levam em conta o plantio (tipo de vaso), o local onde a orquídea será colocada, a rega da orquídea, a adubação e o controle de pragas e doenças. Como […]

Read the full article →